sábado, 21 de julho de 2012

Memórias Duplas de Água com Açúcar

Tinha duas memórias boas
dessas de se perder na curva
pra uma eu era Chuva
pra outra era Garoa

E, como eu sempre dizia
não, não foi à toa
pra uma fui Oceano
pra outra fui Lagoa

E ambas me são bens
com ambas o vento voa

Sempre que me perco
elas me lembram
que não foi à toa

pra uma fui Cais
pra outra fui Canoa

0 comentários:

Postar um comentário