quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Por onde eu for

Risquei um coração
na beirada da janela
embaçada do meu vapor
pra dizer que, no fim
sempre consigo
mesmo assim
eu, aqui pra ti
tu, ai pra mim

te levar comigo
por onde eu for

0 comentários:

Postar um comentário